Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 15 de junho de 2014

Tópicos Especiais China

A disciplina começa com a Dinastia Song (960 - 279 a. C.)
Suas características são:
* expansão comercial chinesa
* autocracia imperial
* centralização
* unificação militar
* prestígio moral
* queda do poder das famílias
* código confuciano ( 551 - 479 a.C.)
* auge de tecnologia e comércio

Dinastia Ming (1368 - 1644)
* medo de ataque mongol
* crescimento populacional devido ao avanço na agricultura. Não do comércio.
* melhoria de fronteiras
* Estado mais centralizado
* fragilidade
* baixos impostos
* críticas ao comércio
* problemas fiscais
* exército fraco
* expansão bloqueada
* novo ataque

Declínio: problema de arrecadação de impostos, todo o peso da tributação se dava na agricultura, houve outro ataque mongol no norte, fazendo com que a dinastia se fechasse ainda mais para o comércio exterior, resumindo, A PREOCUPAÇÃO COM A UNIDADE DA CHINA CAUSOU O DECLÍNIO DESTA DINASTIA.

Tema da disciplina: O QUE A EUROPA FEZ DE DIFERENTE DA CHINA COM RELAÇÃO ÀS EXPANSÕES COMERCIAIS?
Resposta: GUERRA

Nada de unificação, mas sim, Estados entrando em confronto.
O imperativo da guerra fez com que estados buscassem financiamentos, explorando as atividades comerciais.
Além disso, o auge europeu foi sustentado pelo declínio asiático.
Chama-se essa questão de financiamento por guerra, o ciclo de auto-reforço e este não ocorreu na Ásia.

DINASTIA KING

* aumento populacional
* desenvolvimento do comércio interno
* não ocorreu o desenvolvimento da indústria, como ocorreu na Europa
* quase 500 milhões de pessoas
* como alimentar toda essa população se o uso de força não foi renovado?
* não havia liberdade para os mercadores
* tudo era arrecadado por servidores do Estado
* como não havia o sentido de "privado", não havia como se desenvolver o capitalismo na China neste momento.
* avanço britânico
* movimentos anti-colonos
* China x Japão
* condena o lucro pelo comércio
* subordinação das leis ao moral
* a falta de liberdade individual que existia no ocidente causou problemas ao desenvolvimento industrial chinês
* chineses saindo de seu território em busca de liberdade comercial -> diáspora chinesa. Destinos = Taiwan e Hong Kong



DECLÍNIO IMPERIAL

* aumento populacional
* uso intensivo de recursos
* crescimento do comércio
* queda da produtividade e da produção familiar
* queda das indústrias
* funcionários <=> mercadores
* China além mar
* final do século XIX = rebeliões, elite, invasão japonesa e britânica, indenizações, tributos
* influência estrangeira nas reformas
* revolta dos Taipings e dos Boxers por volta de 1860 a 1890, que eram contra o regime dinástico
* as duas guerras do Ópio + guerra sino-japonesa causam perdas através das altas indenizações que a China teve de pagar, fazendo com que o governo pressionasse os impostos sobre a população
* Como a Inglaterra estava perdendo sua hegemonia nesta época, ela encontrou no Japão um aliado para dominar a China, o Japão percebeu que as coisas estavam mudando e buscou modernização interna através de contatos ocidentais
* uma das formas de mostrarmos como tudo vai mudando na China é ver o que a influência externa, de invasões estava fazendo com as elites, que passavam a questionar a dinastia, com a criação dos partidos COMUNISTAS, de Chiang Kai Chek

DETALHES PARTIDÁRIOS

* surgimento de lideranças provinciais
* milícias: forças militares paralelas ao exército imperial para conter as revoltas
* papel extraburocrático das elites
* Kuomitang já pedindo revisão de tratados comerciais que atrapalhassem a China
* Kuomitang tinha influência da URSS
* Xiang não queria uma mudança estrutural. A partir dele nasce o PCC sob influências anarquistas
* Guerra civil entre PCC e Kuomitang
* PCC acreditava que  a emancipação da população chinesa só se daria quando o poder dos grandes fazendeiros minasse
* adaptação de Mao Zedong: proletário na Rússia é o camponês na China
* PCC e Kuomitang se juntam contra os japoneses, mas o exército do PCC que ganha de verdade o destaque, fazendo Xiang ir para Taiwan
* Mao permanece na China, fazendo a Revolução em 1949
* Foi durante a República Comunista que se iniciou esse processo de crescimento chinês que conhecemos hoje

REPÚBLICA (1901-1916)

* forças que emergem em 1911: governo imperial, pequena nobreza e elite urbana
* elite + governo contra rebeliões
* ativismo extra-burocrático das elites
* mentalidade ocidental
* influência japonesa - reformas
* elite chegou a ter dinheiro para construir sua própria ferrovia, mostrando a fraqueza do governo
* Yuan Shikan criou o parlamento, a república, mas depois se declarou imperador
* ameaça de retorno de uma autocracia
* parlamento + kuomitang = resistência = senhores de guerra

REPÚBLICA POPULAR DA CHINA (1949-1953)
* exército de libertação popular
* comissões militares
* conselho de administração de governo (força de segurança, comissão de assuntos militares, assembléias)
* modernização do governo
* economia
* guerra da coreia
* relações externas
* coletivização do campo
* grupos de ajuda militar
* cooperativas
* grupos de produção
* governo com monopólio de preços e de excedentes

1º Plano Quinquenal (1953-1957)
* aumento da renda
* aumento da produção agrícola
* aumento do salário
* ajuda da URSS

2º Plano Quinquenal (1956 --)
* indústria pesada
* fábricas
* queda do apoio da URSS
* indústrias no campo
* queda da centralização

Campanha Antidireitista

1958 - Grande Salto Adiante
* motivações: diferenças URSS
* estímulo à agricultura
* "mobilização das massas"
* descentralização
* resultados críticos do plano

Resumindo: A partir da criação do Partido Republicano, a China vive com o Partido Nacionalista: Kuomitang.
Lá pelos anos 20, a China entra numa guerra civil e do Kuomitang, nasce o PCC e ambos começam a disputar espaço
A URSS apoiou a China durante a invasão japonesa.
PCC ganha força durante a guerra sino-japonesa e Mao se destaca.
Desde o início, o processo revolucionário de Mao esteve voltado para o campo e altas taxas de investimento do governo moldaram o crescimento chinês. Essa estratégia estava moldada nos Planos Quinquenais.
A China sustentou seu crescimento pacificamente, sem invadir outros territórios.

PRIMEIROS ANOS DA REPÚBLICA POPULAR
* centrada principalmente no partido
* exército popular de libertação foi submetido ao partido.
* o PCC criou regiões administrativas e o exército as controlava.
* o exército foi muito usado para legitimar o poder da República Popular, aliás, muitos membros do exército eram membros do partido.
* Mao conseguiu mobilizar muitos jovens contra o capitalismo
* tudo passava a ser submetido ao governo central
* coletivização do campo
* URSS apoiou à princípio
* EUA reconhecem Taiwan, mas não a China. ( Durante a Guerra Fria, os EUA ainda dialogavam com a China para evitar a influência da URSS, mas na Guerra da Coreia isso acabou. As relações foram rompidas e voltaram somente na década de 70.)
* No final dos anos 60, a China rompeu com a URSS e os EUA se aproximaram
* China reconhecida pela ONU
* Durante a Guerra da Coreia, China e URSS ficam do mesmo lado: Coreia do Norte
* o comunismo chinês começou pela coletivização do campo
* grupos de trabalho reuniam os camponeses em torno de uma produção e esses grupos eram controlados por membros do partido
* o preço dos produtos agrícolas eram totalmente controlados pelo Estado
* Se houvesse excedentes, eles seriam controlados pelo Estado. O vendedor não poderia revendê-los sozinho. Ele tinha que revender ao Estado, que estipulava o preço a ser pago.
* no Primeiro Plano Quinquenal, houve apoio financeiro da URSS
* a indústria avançou enquanto a agricultura decaia
* isso tudo desestimulou aos agricultores
* há um certo abandono da agricultura no Grande Salto Adiante, onde Mao investe mais em indústrias
* O Grande  Salto Adiante foi uma resposta de Mao às críticas que estava sofrendo
* A Revolução Cultural também.
* Com a Revolução Cultural, Mao empreende um esforço completo de mobilização política a favor do comunismo. Isso gera tensões dentro do partido que questiona Mao, como Deng Xiaoping.

APÓS A MORTE DE MAO
* Deng Xiaoping
* reformas e abertura
* tigres asiáticos
* QUATRO MODERNIZAÇÕES: agricultura, indústria, tecnologia e exército
* exportação de armas
* "Grande Compromisso" = exército apoia as reformas, o partido e a unidade e o Governo Central financia a modernização do exército.
* transição ao capitalismo da China muito mais lenta do que o da URSS. URSS se esfacelou e a China não.
* As reformas de Deng se aliaram a uma conjuntura favorável externa na época
* Essa conjuntura tem a ver com a economia dos EUA, que buscavam importar barato devido à crise que passavam nos anos 70 por causa do petróleo
* A China não rompeu em momento algum durante sua abertura com a estrutura que havia antes.
* Houve a manutenção do exército submetido ao governo central, por exemplo
* A China se utilizou do avanço econômico para financiar seu exército
* Tigres asiáticos receberam investimentos americanos
* Deng não se acomodou com as exportações
* socialismo de mercado
* China hoje
* investimentos em África e outros países emergentes
* grande crescimento comercial
* o retorno do gigante

Bem pessoal, esse foi um resumo de todo o meu caderno, em tópicos.
Tem muito mais do que isso, basta ler aqui e aprofundar.
Espero que sirva de base para os estudos!
Este foi o primeiro de todos os resumos de disciplinas que predendo fazer, com ou sem a ajuda de outros alunos.
Bons Estudos!




Nenhum comentário:

Postar um comentário